Blog

10 mandamentos para uma alvenaria de blocos de concreto bem-feita

A seguir veremos os 10 princípios que você deve seguir para executar uma alvenaria de blocos de concreto bem-feita:


1) Ajuste as medidas do projeto: Independente de se tratar de uma residência, prédio ou apenas um muro, adequar as medidas da construção para o tamanho do bloco utilizado é fundamental. A modulação traz rapidez, praticidade e economia para a execução, pois evitará a necessidade de cortar as peças para adequá-las ao tamanho da alvenaria.



2) Confira as medidas da fundação: Conferir as medidas da fundação antes de iniciar a alvenaria evita erros que aparecerão mais adiante na execução, gerando a necessidade de demolir a parede e jogar material fora. Outra dica importante é ensaiar a posição dos blocos antes de iniciar o assentamento com argamassa, colocando cada bloco na posição indicada no projeto, para conferir se as medidas estão corretas.



3) Amarre as barras de aço da alvenaria na fundação: Mesmo em muros e residências baixas, amarrar a alvenaria com a fundação é importante para a estabilidade da parede. Para fazer isto é muito simples: nos pontos marcados em projeto, deixar barras de aço chumbadas na viga antes de fazer a concretagem desta. Quando for executar a alvenaria, amarrar esta barra de aço com a que passará nos furos verticais dos blocos, que serão preenchidos de graute mais tarde.


4) Controle a espessura das juntas: Os blocos de concreto possuem a medida de 39 porque com a junta de argamassa de 1 cm a medida fecha em 40 cm exatos. Com o bloco de 29 cm é a mesma lógica (a medida fecha em 30 cm com a junta de argamassa de 1 cm). Uma junta espessa demais, além de gerar erros no tamanho final da parede, diminui o desempenho estrutural desta e leva ao desperdício de argamassa.


5) Limpe as juntas: Uma das maiores vantagens do bloco de concreto é que ele pode ser deixado à vista, sem reboco. Para isso, as juntas de argamassa devem ser constantemente limpas durante a execução da parede (pode ser com a própria colher de pedreiro e até esponja). Se o profissional deixar para limpá-las mais tarde, a argamassa terá endurecido, gerando retrabalho e dificultando a limpeza.

Juntas limpas Juntas com excesso de argamassa

Fonte: Alvenaria Estrutural com Blocos de Concreto Caderno do Aluno - ABCP


6) Controle o nível e prumo: A melhor maneira de evitar fissuras na alvenaria é executá-la bem alinhada, no nível e no prumo. Se a parede for executada "torta", o seu peso próprio causará fissuras na alvenaria. Para verificar o prumo e o nível, tenha sempre em mãos a régua de nível.

7) Confira o grauteamento: Ao preencher os furos dos blocos com graute (que é um concreto mais fluido, feito com pedrisco e aditivo) é importante ter certeza que todo o furo foi preenchido. Uma forma de verificar isto é cortar uma abertura nos blocos de 1ª fiada para conferir se o graute preencheu o furo do bloco desde o início da parede (janelas de inspeção).


8) Use ferramentas adequadas: O uso de ferramentas específicas para a execução de alvenaria de blocos podem influenciar muito na produtividade da construção. Carrinhos especiais para transportar blocos, réguas de nível, balde para colocação de graute, canaleta para colocação de argamassa, etc.



9) Armazene corretamente:No recebimento, os blocos devem ser armazenados em local plano e protegido. Devem ser conferidas as medidas dos blocos, quantidade e a resistência, que deve estar de acordo com o pedido e com o projeto. Nunca misture blocos de resistências diferentes, e sempre confira o projeto estrutural.

Caso os blocos peguem chuva, é importante não utilizá-los molhados (para evitar transtornos, cubra os pallets de blocos com lonas). Este cuidado é importante porque os blocos molhados vão liberar a umidade excessiva na parede, prejudicando a alvenaria.


10) Programe o seu pedido: Quando uma execução inicia, é importante providenciar para que não falte nenhum material, evitando a perda de tempo e de produtividade. Programe com a equipe de execução os pedidos dos blocos com 2 dias de antecedência, para evitar interrupções desnecessárias nos trabalhos.